top of page
  • mircentrosulonline

Pesquisa mostra que um cristão em cada sete no mundo sofre perseguição por sua fé; 15 morrem por dia

Nigéria é considerado o país com os maiores índices de mortes de cristãos, enquanto a Coreia do Norte é o local mais perigoso para se professar a fé em Cristo

O retrato da perseguição a 360 milhões de cristãos espalhados pelo mundo é revelado por uma pesquisa organizada pelo World Watch List 2023, o relatório anual da Open Doors que monitora a condição dos cristãos perseguidos no mundo há 30 anos. Esse tema também pautou a ministração do apóstolo Arão Amazonas, do MIR Centro-Sul, igreja evangélica da Praça 14, em Manaus.


“Desse total, um em cada sete sofre algum tipo de perseguição e discriminação por causa de sua fé. A Coreia do Norte continua sendo o país mais perigoso, enquanto preocupa cada vez mais a Nigéria, onde são mortos 89% dos cristãos de todo o mundo”, afirmou o apóstolo.


Ele ainda expôs, por meio de imagens para a igreja uma triste realidade mundial: no ano passado, mostra o relatório, 5.621 cristãos foram mortos, uma média de 15 por dia, em leve diminuição em relação ao ano anterior (5.898). Já o número de igrejas atacadas soma 2.110 (metade dos quais na China) enquanto 4.542 fiéis foram presos e 5.259 sequestrados (a grande maioria na Nigéria).


“Aliás, a Nigéria é confirmada como o epicentro do massacre de cristãos: de fato, no país mais populoso e rico da África, 5.014 cristãos foram mortos, contra 4.650 no ano passado”, enumerou.


São numerosas as causas que levam a uma situação tão alarmante: por um lado o terrorismo islâmico (Boko Haram e Iswap) que assola o norte do país, por outro as ações terroristas dos pastores Fulanis, que atacam as populações agrícolas cristãs, finalmente, a situação de caos e anarquia que predomina em grande parte do país, onde bandos armados sequestram grupos de cristãos para pedir resgate.


Não se deve esquecer que um dos ataques mais graves contra os cristãos em 2022 ocorreu na Nigéria, onde no dia de Pentecostes um grupo de homens armados invadiu a igreja de São Francisco, em Owo, na diocese de Ondo, matando pelo menos 40 fiéis durante a missa.


OS NÚMEROS ALARMANTES – Entre os cerca de 100 países monitorados pela Open Doors, a perseguição aumenta em termos absolutos, em pelo menos 76 as agressões se intensificam. Para se ter uma ideia, nos últimos 10 anos, de acordo com a pontuação atribuída pela equipe de pesquisa, o nível de violência e discriminação cresceu de 3.019 pontos em 2014 para 3.683 em 2.023. No geral, um em cada cinco cristãos na África, dois em cada cinco na Ásia e um em cada 15 na América Latina sofrem um nível alarmante de perseguição.




FAÇA PARTE DESTA GRANDE OBRA!!!



Doações


Pix: online@mircentrosul.com

Banco: Banco do Brasil (001)

Agência: 4218-8

Conta Corrente: 1.212-2


Acesse nosso site e fique por dentro de tudo o que acontece: mircentrosulonline.com


Visite nossas Redes Sociais:

Instagram: @mircentrosul

Youtube: @MIRCENTROSUL

Facebook: mircentrosul


Cadastre-se como Membro Online do MIR Centro-Sul: https://www.mircentrosulonline.com/membro-online

113 visualizações

Comments


Em construção
bottom of page