top of page
  • mircentrosulonline

Serviço Social realiza oficina sobre Transtorno do Espectro Autista com Profissionais Especialistas



Em alusão ao Abril Azul, mês de conscientização sobre o Autismo, o Serviço Social do MIR Centro-Sul promoveu, na noite do dia 24, uma oficina para debater o manejo em situações de crise envolvendo pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). O evento contou com a presença de diversos profissionais especialistas na área, como psicólogos, assistentes sociais, pedagogos, neuropedagogos e terapeuta ocupacional.

Durante a noite, os participantes puderam discutir e aprender sobre o mundo do autista e como lidar com ele em momentos de crise. Entre os depoimentos, destaca-se o da Pastora Trícia Campos, que afirmou ter sido uma experiência esclarecedora e imprescindível para seu ministério. "Agora teremos um novo olhar para as crianças com TEA", afirmou.

O aprendizado também foi destacado pela Auxiliar Pastoral Adriane Rodrigues, que considerou a oficina como um diferencial para lidar com crianças que têm TEA em seu ministério infantil. "Só gratidão à toda equipe do serviço social e a nossa igreja MIR Centro Sul por mais esses investimento de aprendizado e conhecimento em nossas vidas", afirmou.


Elaine Pinheiro, do Departamento Infantil, ficou impactada com a experiência. "Eu achei impactante, um aprendizado de milhões, eu não tinha ideia de como era tão difícil o mundo de um autista", afirmou.

A ação foi mais uma iniciativa importante do Serviço Social para conscientizar e capacitar profissionais e comunidades a lidar com o Autismo e proporcionar um ambiente mais acolhedor e inclusivo para pessoas com TEA.

A oficina também contou com a participação da comunidade e pais, que puderam compartilhar suas experiências e desafios em lidar com situações de crise. Foi uma oportunidade para trocar informações e aprender estratégias para enfrentar as dificuldades no dia a dia.


Além disso, os especialistas presentes na oficina destacaram a importância do conhecimento sobre o Autismo para promover a inclusão social das pessoas com TEA. O manejo em situações de crise foi um dos temas mais discutidos, pois muitas vezes os sintomas do autismo podem levar a comportamentos agressivos ou de fuga, o que pode ser difícil de lidar para quem não tem conhecimento sobre a condição.


A oficina também abordou estratégias de comunicação efetiva com pessoas com Autismo, como a utilização de pictogramas e linguagem clara e objetiva. O objetivo foi capacitar os participantes para que possam criar um ambiente mais acolhedor e inclusivo para pessoas com TEA em seu dia a dia.


No final da oficina, os participantes saíram com um novo olhar sobre o Autismo e a sensação de que podem fazer a diferença na vida das pessoas com TEA. Foi uma noite de muito aprendizado e reflexão, que certamente terá um impacto positivo na vida de muitas pessoas.

Fotos: Emerson Freitas - Conheça seu trabalho, acesse o instagram: @emerson_freitas_m12


CONTRIBUA COM O TRABALHO DO SERVIÇO SOCIAL DO MIR CENTRO-SUL:


Doações

Pix: 92982824798

Banco: Bradesco (260)

Agência: 3735-4

Conta Corrente: 19.009-8


Acompanhe nosso trabalho através do nosso perfil do Instagram, acesse: https://www.instagram.com/servicosocialmircs/

@servicosocialmircs



Acesse nosso site e fique por dentro de tudo o que acontece: mircentrosulonline.com


Visite nossas Redes Sociais:

Instagram: @mircentrosul

Youtube: @MIRCENTROSUL

Facebook: mircentrosul


Cadastre-se como Membro Online do MIR Centro-Sul: https://www.mircentrosulonline.com/membro-online

100 visualizações
Em construção
bottom of page